O negro deixou de estar sozinho a dar o corpo, e a vida, à luta contra o racismo. Pelo menos nos Estados Unidos. A morte de George Floyd acendeu um rastilho demasiado curto no seio da sociedade norte-americana. À comunidade negra, juntam-se agora outros atores importantes sociais e do entretenimento para clamarem por justiça e mudança. A indústria da música vai assim realizar amanhã o Blackout Tuesday, que consiste no “silêncio” de editoras, rádios e figuras da indústria musical como forma de protesto contra a discriminação racial.

A Sony e o Spotify são algumas das empresas que vão participar da iniciativa e várias rádios norte-americanas vão interromper a transmissão num sinal de protesto contra a discriminação racial.

Por sua vez, o Spotify anunciou que irá lutar “contra as injustiças e as desigualdades” com “várias atividades dentro e fora da plataforma”.

“Em conjunto com a Sony Music, estamos em parceria com organizações para apoiar os seus movimentos para acabar com o racismo sistémico e condenações injustificadas”, disse Jon Platt, presidente e CEO da Sony / ATV Music Publishing, em comunicado.

A hashtag #TheShowMustBePaused (o espectáculo em de ser interrompido, em português) tem sido partilhada nas redes sociais para difundir a iniciativa que pretende “tomar uma medida urgente de ação para provocar responsabilidade e mudança”.

“Como guardiões da cultura, é a nossa responsabilidade não apenas nos unir para comemorar as vitórias, mas também para nos unirmos durante uma perda”, diz a Sony num post nas suas redes sociais.

Variety Music, Universal Music, Warner Music e vários outras empresas partilharam a mesma mensagem nas suas páginas e perfis online.

Voir cette publication sur Instagram

Silence isn’t an option. We share the sorrow and outrage of the world over the grave injustice leading to the tragic loss of George Floyd’s life, along with Breonna Taylor, Ahmaud Arbery, Tony McDade and so many other Black lives. We may be a brand, but we’re also made up of real people who care deeply about standing alongside ALL our ASOSers. That means we also understand just how important it is to put meaningful action behind all that we do. So, we will be making a donation to a relevant organization in the coming days. We’re constantly working on ways to support positive change and we’ll continue to give a voice to important conversations, today and always. We hear you and we stand with you.

Une publication partagée par MORE THAN FASHION (@asos) le

Voir cette publication sur Instagram

@naacp @colorofchange

Une publication partagée par STARZ (@starz) le

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.

Sabias que com a tua contribuição podes ajudar a BANTUMEN a crescer? O nosso objetivo é criar uma narrativa de empoderamento da comunidade urbana lusófona e tu podes fazer parte deste processo. Inscreve-te no Patreon e faz a tua parte. Lembra-te da filosofia Ubuntu: “eu sou porque nós somos”.