“Stand Together” é o novo hino disponibilizado no Nelson Mandela Day pela ONE, em parceria com a MTV Base e a Nelson Mandela Foundation. Prodígio é o único artista PALOP a fazer parte da causa.

São no total 10 vozes africanas que dispensam apresentações, que reuniram forças para mostrar que os artistas estão juntos na luta contra a COVID-19.

Ver esta publicação no Instagram

New Release to Stand in Solidarity to defeat COVID-19

Uma publicação partilhada por ONE (@one) a

“Stand Together” é o hino africano de solidariedade contra o COVID-19, que engloba nomes como 2Baba, Yemi Alade da Nigéria, Ahmed Soultan do Marrocos, Ben Pol da Tanzânia, Amanda Black e Gigi La Mayne da África do Sul, Stanley Enow dos Camarões, Betty G da Etiópia e Prodígio de Angola.

Prodígio é o único artista falante de português que participou da música, soltando versos motivadores.

A música é um reflexo das mudanças causadas pela pandemia, incluindo o impedimento de manifestações sociais habituais como anteriormente.

O videoclipe tem a produção de uma parceria entre MTV Base e a Nelson Mandela Foundation, sendo a música produzida pelo produtor nigeriano Cobhams Asuquo.

A música pede também o apoio e a prestação de cuidados a todos aqueles que mais precisam neste momento difícil e transmite uma energia positiva de que “se nos mantermos juntos, se nos mantermos solidários … nada nos mandará para baixo”.

“One day my people, one day we will be celebrating cause this plague is over”, que em português significa “um dia meu povo, um dia estaremos comemorando porque esta praga acabou”, é o que podemos ouvir no coro com a intenção de nos motivar porque tudo irá ficar bem no “fim do dia”.

“Stand Together” é uma música criada pela ONE, que é um movimento global que se dedica ao combate contra “pobreza extrema e as doenças evitáveis até 2030”, para que todas as pessoas de todo o mundo possam ter uma vida estável e oportuna.

A ONE lançou também uma mensagem para todo o mundo, incluindo líderes mundiais, disponibilizando uma petição em one.org direcionada aos governantes, dizendo que “o mundo precisa de um Plano de Resposta Pandémica para proteger os vulneráveis, apoiar trabalhadores essenciais e disponibilizar uma vacina a todos, apoiar as pessoas mais atingidas economicamente e fortalecer os sistemas de saúde para estarmos prontos se isso acontecer novamente”.

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.

Sabias que com a tua contribuição podes ajudar a BANTUMEN a crescer? O nosso objetivo é criar uma narrativa de empoderamento da comunidade negra lusófona e tu podes fazer parte deste processo. Inscreve-te no Patreon e faz a tua parte! Lembra-te da filosofia Ubuntu: “eu sou porque nós somos”.

Carrego a cultura kimbundu nas veias. A minha angolanidade está presente a cada palavra proferida. Sou apologista de que a conversa pode mudar o mundo pois a guerra surgiu também de uma. O meu mantra é "o conhecimento gera libertação e libertação gera paz mental, portanto, não seja recluso da ignorância".