Lundati Claudio Kudima de Carvalho é Faray King, rapper e compositor de origem angolana a viver em Portugal, que exibe no currículo uma das músicas mais ouvidas na rádio nos últimos dez anos, produzida em Braga, como o próprio afirma.

O artista acabou de disponibilizar dois novos singles, “Mayara” e “Nada Pessoal”, que prometem voltar a colocar o nome de Faray nos radares das tabelas de hip hop em português.

O objetivo é que o single ultrapasse a popularidade conseguida com “Medo”, de 2019, que até hoje continua a passar nas rádios portuguesas e, aparentemente, é uma das produções bracarenses mais tocadas dos últimos dez anos.

“O meu som “Mayara” é um som muito pessoal, uma espécie de conselho de pai para filha sobre algumas adversidades da vida. Tem o nome da minha primogénita sendo também este um som para a parabenizá-la pelo seu aniversário”, explicou-nos.

Por sua vez, em “Nada Pessoal”, como diz a letra, o artista quer fazer história, conquistar as metas traçadas e o tempo urge. “Então, não é nada pessoal e nem com ninguém em concreto. Esta arte faz parte de mim. Tenho objetivos a cumprir por mim, pelos meus. Quero construir o meu legado”, afirmou Faray King.

Nascido em Luanda, o artista cedo imigrou com a família para terras lusas e já passou pelo Barreiro, a 40 quilómetros de Lisboa, pelas cidades nortenhas do Porto e Braga, que atualmente é a sua base.

Embrenhado no trap, trap-soul, pop, R&B e afroswing, foi ainda em Angola, mais propriamente no bairro luandense da Samba, que o artista começou a despertar para o mundo da música.

Em 2015, decidiu que estava na hora de se focar no seu talento e naquilo que poderia oferecer ao mercado musical. Nesse ano, lançou “Consciência”, que conta com a participação do também rapper e amigo Dice. Além disso, participou ainda no single “Get it”, de DJ Chipula e Trigo Limpo.

Com uma carreira a solo desde 2018, depois de uma passagem pelo grupo bracarense LDB (Liga dos Bons), lançou ainda “Nada Pessoal”, produzido por Beatoven. A música conta com a participação de L.A.

Uma das participações mais importantes do seu percurso é “Mambos Fodidos”, com Mr. K.Faray, gravada ainda em Braga com a Subway Records e com as participações de D-Man e Masterji.

Num futuro próximo, Faray confessa que gostaria de ter o prazer de trabalhar com uma longa lista de artistas de topo do mercado português e PALOP: Phoenix RDC, Plutonio, Carla Prata, Tóy Tóy T-Rex, Bispo, Deejay Telio, Deezy, FrankieOnTheGuitar, Charlie Beats e Zimmermann.

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.