Desengane-se quem pensava que o volume quatro dos Futeceros estava acabado. A dupla protagonizada por Safari e Landim conta-nos, através do seu mais recente videoclipe, uma história que se resume numa mistura de loops e drums, ao compasso dos BPMs e que retrata o dia-a-dia da dupla.

Após alguns meses de preparação, os Afrokillerz lançaram oficialmente o tratamento visual de “Bora Bora/ A Minha Mãe Disse Que Tomo Drogas”, faixa extraída do seu último trabalho. A produção audiovisual surge também no seguimento dos “avisos” que a dupla tinha deixado aos fãs ainda durante a pandemia.

A BANTUMEN conversou com Safari e Landim, que descortinaram um pouco o conceito do videoclipe.

“Bora Bora é nada mais que uma dica do nosso bairro. Que significa basicamente: sair para curtir à noite como sair para fazer porcaria. Tem essas duas vertentes. Algo que os nossos pais nunca apreciavam porque para eles significa que íamos andar em más companhias e íamos acabar por fazer o que não devíamos e daí também a expressão “a minha mãe disse que tomo drogas”, afirmam, acrescentando que é exactamente isso que o público vai poder ver retratado no videoclipe. No fundo, e segundo os próprios, acabar por ser um retrato visual da sua história “desde putos”.

Com esta produção a dupla pretende não só mostrar que continua no ativo, mas também que a sua veia criativa está “mais viva do que nunca”, muito graças à pandemia que permitiu que os DJs tivessem tempo para produzir e perspetivar o que pretendem fazer daqui para a frente. “O processo de criação deste videoclipe, como de outros que temos em mente, acaba por ser tudo da nossa cabeça, tudo pensando e idealizado por nós. Viemos do bairro, do ghetto e sabemos muito bem o que retratar e como retratar”, explicam.

Sobre o que podemos esperar nos próximos tempos, Safari e Landim asseguram que têm muitos trabalhos a caminho não só áudio mas também visual, e deixam um apelo aos fãs “fiquem apenas atentos”, rematam em género de brincadeira.

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.

Inconformada por natureza, acredito que o sucesso é um processo de melhoria contínua. Apaixonada pelas liberdades e oportunidades que a vida tem para oferecer. Teimosa o suficiente para não desistir, inteligente o suficiente para saber quando desistir.