Burna Boy | DR

É desta que Burna Boy ganha um Grammy Award?

As indicações para os Grammy Awards 2021 foram anunciadas no final de novembro, e o superstar da Nigéria, que responde pelo nome Damini Ogulu, foi indicado na categoria de Melhor Álbum de Música Global, pelo segundo ano consecutivo.

Na lista de nomeações para a 63ª edição do evento, Burna Boy foi indicado com o novo álbum Twice As Tall. O cantor de 29 anos foi indicado ao lado de nomes como Antibalas (Fu Chronicles), Bebel Gilberto (Agora), Anoushka Shankar (Love Letters) e Tinariwen (Amadjar).

Antibalas é uma banda americana de afrobeat inspirada na banda Africa 70 de Fela Kuti, enquanto Bebel Gilberto é uma cantora, compositora e produtora norte-americana, de ascendência portuguesa e brasileira. Anoushka Shankar é citarista (a cítara é um instrumento de cordas utilizada sobretudo na música tradicional de países onde se fala alemão e do Leste Europeu) e compositora britânica de origem indiana, enquanto Tinariwen é um grupo de músicos tuaregues do norte do Mali, da região do deserto do Saara.

Acredita-se que Bebel Gilberto com o álbum Agora e Anoushka Shankar com Love Letters sejam os adversários que Burna deve temer. Em 2019, African Giant da estrela nigeriana foi indicado na mesma categoria para o Grammy de 2020, mas perdeu para Angelique Kidjo.

Essa nomeação, em novembro de 2019, ofereceu um momento de grande euforia na Nigéria, e um pouco por todo o mundo onde existem fãs do cantor, mas só este ano é que o artista poderá eventualmente levar o tão esperado prémio para casa.

Se Burna Boy vencer, tornará-se-à o segundo nigeriano a vencer a estatueta, depois de Sikiru Adepoju, com o álbum Planet Drum há mais de dez anos.

O álbum candidato, Twice As Tall, contém 15 faixas e ecoa principalmente em mercados como o da Nigéria, África do Sul, Jamaica e Estados Unidos. No projeto encontramos participações de relevo da indústria da música internacional, nomeadamente o senegalês Youssou N’Dour, o grupo norte-americano Naughty By Nature, o vocalista dos Coldplay Chris Martin, a banda Keniana, Sauti Sol, e o rapper britânico com origens no Gana Stormzy.

O que Twice As Tall tem de interessante?

No álbum, Burna viaja por terrenos sócio-conscientes, insistindo na fracassada agenda afro-política, no subdesenvolvimento do continente, pobreza, imperialismo ocidental, entre outros problemas sociais africanos.

Ao desvendar o álbum, Burna Boy reconheceu que o projeto é uma extensão da sua agenda pan-africana do álbum African Giant.

Após o lançamento, o álbum chegou a número um na Apple Music, tendo mais de cinco milhões de streams em apenas uma hora depois de sair e ainda foi número um em 31 países, como Nigéria, Reino Unido, África do Sul, Gana, Botswana, Gâmbia, Quénia, Namíbia, Zimbábue, Uganda, Guiné-Bissau, Moçambique, entre outros.

A 63ª edição dos Grammy Awards será realizada a 31 de janeiro de 2021, no Staples Center em Los Angeles. Neste evento são reconhecidas as melhores gravações, composições e artistas entre 1 de setembro de 2019 a 31 de agosto de 2020.

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.

Podes sugerir correções ou assuntos que gostarias de ler, ver ou ouvir na BANTUMEN através do email redacao@bantumen.com.

nv-author-image

Mauro Aghuas

Pai de 2| Linux entusiasta| Fã de Cazuza | amante da cultura Hip-Hop e apaixonado por festivais de Rock em Angola