A Federação cabo-verdiana de Basquetebol foi contemplada pela FIBA com o “Programa FIBA PLUS, Estratégia e Planeamento”, um projecto piloto desta organização, que visa auxiliar as federações nacionais no desenvolvimento do basquetebol “com foco estratégico sustentável”.

O programa FIBA PLUS, Estratégia e Planeamento é uma das iniciativas empreendidas pela FIBA, como parte da sua estratégia de longo prazo 2019-2027, para “capacitar as federações nacionais” no sentido de atingirem o seu pleno potencial.

“Esta iniciativa é um programa à medida do basquetebol cabo-verdiano com o objectivo de implementar estratégias adequadas às suas necessidades para melhorar a sua capacidade para organizar, profissionalizar e comercializar a sua actividade, garantindo o bom desenvolvimento da modalidade em Cabo Verde”, lê-se no comunicado de imprensa da FCBB.

Numa primeira fase, informa a nota federativa, a FIBA apoiará a FCBB a completar sua “Análise da Situação”, após discussões com a entidade e seus parceiros, para entender melhor o funcionamento da federação, o ambiente em que opera e os seus objectivos.

Esta análise fornecerá informações aos membros da direcção da FCBB, ao definirem o seu foco no futuro e desenvolver o Plano Estratégico, e, igualmente, fornecerá linhas de base de desempenho necessárias, que a Federação poderá usar, para medir seu crescimento e progresso.

Ao longo do Programa FIBA PLUS, a Federação cabo-verdiana de Basquetebol vai definir metas, traçar objectivos e planos de acção detalhados para os próximos 18 a 24 meses, sendo certo que a FIBA apoiará a federação com forte orientação, workshops e assistência personalizada.

À luz do projecto “um processo de monitoramento também será utilizado para reavaliar a estratégia da FCBB, regularmente, para garantir que, esta, esteja de acordo com as necessidades da mesma.

O presidente da FCBB, Mário Correia, mostrou-se entusiasmado pelo facto de Cabo Verde ter sido o escolhido pela FIBA para receber este projecto-piloto, alegando que irá orientar a federação na implementação da sua visão e pensamento estratégico no desenvolvimento do basquetebol em Cabo Verde.

“O nosso foco é a concretização de novos objectivos e metas que levarão o basquetebol nacional a novos patamares, e com este programa estaremos melhor preparados para os concretizar e ter sucesso em todas as áreas da nossa actuação”, considerou Correia, que agradece à FIBA pelo seu compromisso em prol do desenvolvimento da modalidade.

Disse que Cabo Verde, enquanto “um país pequeno, onde o basquetebol está num ponto crucial de crescimento, este projecto revela-se de grande importância”, porquanto permite consolidar a sua visão e alinhá-la com a da FIBA.

Enquanto isto, o secretário-geral da FIBA, Andreas Zagklis, referiu que “o principal foco da FIBA, para o período 2019-2027, é o desenvolvimento das Federações Nacionais, pois elas são a base do desenvolvimento do basquetebol em cada país”.

Sublinhou que o projecto piloto fornecerá à Federação Cabo-verdiana de Basquetebol um alto nível de especialização, conhecimento e orientação prática em cada etapa do seu processo de planeamento.

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.

Podes sugerir correções ou assuntos que gostarias de ler, ver ou ouvir na BANTUMEN através do email redacao@bantumen.com.

[Fancy_Facebook_Comments]