Kazukuta Records | DR

A Kazukuta Live Fest acontece já este domingo

É já este domingo que a Kazukuta vai entrar em nossas casas através de um concerto live, via streaming no canal de YouTube da editora. Djeff, Alpha, Meith, Homeboyz, Helen Ting e DJ Conde vão assim celebrar mais um ano da Kazukuta Records juntamente com os seus fãs.

Há nove anos que a editora angolana de música eletrónica tem disponibilizado no mercado vários sucessos, que vão agora ser relembrados e celebrados no concerto deste domingo.

Com início previsto para às 15 horas, além dos artistas que fazem parte da editora, o evento vai contar com a presença especial do DJ e produtor Breyth, entre outras surpresas.

Em ano de pandemia, a Kazukuta lançou inúmeros projetos, merecendo destaque o álbum de Meith, When Everything’s Gone, o quarto álbum de estúdio de Djeff, Enlightened Path, e o single “Ven Pa Ka” dos Homeboyz, que antecede o álbum do coletivo previsto para 2021.

Sendo a primeira label angolana única e exclusivamente focada em música eletrónica, a Kazukuta foi conceptualizada pelo DJ e produtor Djeff em 2011, e nasceu com o intuito de dar oportunidade a todos aqueles que procuram lançar a sua primeira música.

Durante estes anos, a Kazukuta lançou inúmeros hits que contribuíram de forma massiva na proliferação da música urbana e eletrónica de Angola no mundo, como as músicas “Kizibegue” com a voz de BZB, “Tambuleno” de Djeff & Silivy com a voz de Mamukueno, “Mwangolé” com os “adoços” dos kuduristas Nacobeta, Agre G e Game Walla, “Reborn” com Homeboyz e muitos mais.

Soldier Ascension, de Djeff, lançado em 2013, foi um dos primeiros projetos a ganhar um reconhecimento internacional em 2014 e contou com o apoio de Tony Humphrises, Boddhi Satva, Mr. V, entre outros artistas de relevo.

De acordo com a label, as expectativas de crescimento da música electrónica em Angola são “bastante positivas” e, agora, com base em Portugal, o objetivo é continuar a levar estas sonoridades a viajarem “pelo mundo e a alargarem horizontes”.

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.

nv-author-image

Bruno Dinis

Carrego a cultura kimbundu nas minhas veias. Angolanidade está presente a cada palavra proferida por mim. Sou apologista de que a conversa pode mudar o mundo pois a guerra surgiu também de uma. O conhecimento gera libertação e libertação gera paz mental, por tanto, não seja recluso da ignorância.