Chimamanda Ngozi Adichie está entre as 50 mulheres mais influentes do Reino Unido, eleitos pelo jornal The Sunday Times. Na lista são ainda citados nomes como Rainha Elizabeth, a vice-presidente eleita dos Estados Unidos da América, Kahala Harris, a cantora Rihanna e ativista Raquel Willis.

Nascida em Enugu (Nigéria) no dia 15 de setembro de 1977, Chimamanda Ngozi Adichie é atualmente uma das maiores vozes da literatura africana e as suas obras já foram traduzidas para mais de trinta idiomas. 

As personalidades presentes na lista ​​foram escolhidas por serem “inspiradoras, memoráveis ​​e às vezes decisivas” e por serem as “mulheres que se destacaram num ano inesquecível”.

 Acostumada com a ribalta, a escritora nigeriana tem a palestra “TED Talks” mais vista de todos os tempos, com 7,7 milhões de visualizações no YouTube; foi listada pela CNN entre as Mulheres Líderes de 2014; nomeada para Pessoa do Ano da Forbes África no mesmo ano e no seguinte. Em 2015, o romance Half of a Yellow Sun ganhou o prémio Best of the Best e o Prémio Feminino de Ficção ‘Vencedor dos Vencedores’.

Em outubro de 2020, Adichie lançou outra obra-prima, um conto intitulado, Zikora, que é sua primeira obra literária em sete anos.

Na lista do Sunday Times, foram ainda reconhecidas a Duquesa de Sussex Meghan Markle; a chanceler alemã Angela Merkel e a cantora britânica Adele, entre outros.

O The Sunday Times é o jornal  britânico mais vendido e, anualmente, compila uma lista com personalidades que se destacaram nas diversas áreas da sociedade.

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.

Podes sugerir correções ou assuntos que gostarias de ler, ver ou ouvir na BANTUMEN através do email redacao@bantumen.com.

[Fancy_Facebook_Comments]