Já podes viajar em “A Luta Continua” de Xullaji com Tristany

“A Luta Continua” é uma série de manifestos do projeto Pretú, de Xullaji, e que alerta-nos para o fio condutor entre as gerações que lutaram pela liberdade do povo negro e as atuais que têm de dar continuidade ao mesmo combate.

O episódio #6 conta com a participação de Tristany e relembra a última mensagem de Amílcar Cabral, difundida na Rádio Libertação, a 3 de janeiro de 1973, 17 dias antes da sua morte.

Em comunicado enviado à nossa redação lemos que, “o princípio que guia a letra é o de que o colonialismo não acabou e como tal a luta também não. E que esta se estende no tempo e nos espaço, do mato onde se travou a guerrilha nos anos 60/70 para o mato de cimento das colónias da, ainda, metrópole, ou cidades africanas continuamente fustigaras pelo colonialismo e suas mazelas”.

O vídeo faz uma releitura do arquivo fotográfico de Amilcar Cabral e carrega consigo um teor artístico fruto de uma colaboração entre o rapper com Mónica de Miranda.

A música carrega um sample daquele que é um dos álbuns mais apreciados e agraciados da música angolana que foi lançado no ano da independência de Angola, o Matudi Ua Ufolo de David Zé.

Prétu é um projeto onde Xullaji decidiu juntar o seu próprio universo sónico ao universo mais escurecido das suas letras. O resultado é a justaposição e transformação das suas origens e referências africanas, com as suas influências eletrónicas para expressar o seu pensamento sobre o colonialismo, o pan-africanismo e um novo contexto político para África e a sua diáspora.

Ambos optam por colocar os movimentos de libertação numa posição de ação “contínua e permanente”, ao em vez de os colocar em uma posição estagnada e isolada da suposta história e destacando o “colonialismo como algo ultrapassado.

A nova aventura de Xullaji, “Pretú” é o contrário de seus álbuns lançados. Neste projeto o rapper produz a totalidade da sua música a partir de um universo de samples que sempre trouxa à tona em si, parte de suas memórias de infância.

O projeto tem sido apoiado e produzido pelo Hangar Music, em colaboração com a Ghost Productions. 

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.

Podes sugerir correções ou assuntos que gostarias de ler, ver ou ouvir na BANTUMEN através do email redacao@bantumen.com.

TRABALHO DE PRETO
nv-author-image

Mauro Aghuas

Pai de 2| Linux entusiasta| Fã de Cazuza | amante da cultura Hip-Hop e apaixonado por festivais de Rock em Angola