Ar Condicionado, filme de Fradique | Geração 80

“Ar Condicionado” vence prémio nos Luxor African Film Festival

O filme angolano Ar Condicionado, da Geração 80, recebeu o prémio de “Melhor Longa Metragem” do Luxor African Film Festival 2021, realizado no Egito. O festival arrancou no passado dia 26 de março e terminou no dia 31.

O longa de Fradique foi escolhido pela mesa de júri composta por profissionais da sétima arte, como a diretora de TV Kamla Abou Zekri, o diretor de cinema maliano Cheick Oumar Sissoko e o cineasta também maliano Souleymane Cissé.

Em nome do coletivo Geração 80, Fradique disse que receber a estatueta tem um “sabor especial” por se tratar de um festival do nosso continente, acrescenta que também já tiveram o privilégio de participar nas edições passadas com os filmes “Independência” e “Para Lá dos Meus Passos”, realizado por Kamy Lara.

Fradique disse que “não há magia” por de trás do sucesso do filme a não ser “muitos anos de trabalho”. A equipa manifestou a gratidão pelos últimos reconhecimentos e distinções em festivais internacionais.

“Toda equipa e elenco estão profundamente agradecidos por todo carinho que o filme tem recebido. Ver o Ar Condicionado e os seus personagens viajar pelo mundo afora neste ano de pandemia é realmente uma alegria e um privilégio muito grande. É emocionante ler como as pessoas em diferentes cantos do mundo empatizam com os personagens do filme que foram tão bem interpretados pelo José Kiteculo, Filomena Manuel e David Caracol”, disse o realizador.

Para este ano, a Geração 80 está neste momento a terminar de gravar a próximo filme, Nossa Senhora da Loja do Chinês, um filme escrito e realizado por Ery Claver. E tal como os outros produtores independentes e artistas angolanos, Fradique disse que está comprometido com a divulgação da cultura e cinema nacional.

“Continuamos comprometidos com o cinema e a cultura nacional apesar da dolorosa e contínua ausência do nosso Ministério da Cultura em criar políticas públicas para o cinema nacional”, finalizou Fradique.

Ar Condicionado é uma longa-metragem angolana que retrata um misterioso drama que acontece com os ares condicionados dos apartamentos da cidade de Luanda, com os personagens Matacedo e Zezinha embrenhados na resolução do mistério.

A Luxor African Film Festival é um dos projetos da ISF (Fundação Independente Shabab traduzido do português) que, nesta 10ª edição, trouxe o regresso e a celebração da identidade africana através dos filmes.

O LAFF foi idealizado pelo escritor Sayed Fouad e pelo diretor Azza Elhousseiny, de formas a fazer chegar os filmes africanos no Egito, um acontecimento “raro” naquele país.

A missão do festival vai muito mais além do que apresentar e distinguir profissionais da sétima arte. O evento foi selecionado para descentralizar eventos culturais ou artísticos que sempre são realizados no Cairo e Alexandria, de formas a mostrar o que os outros países têm estado a fazer.

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.

Podes sugerir correções ou assuntos que gostarias de ler, ver ou ouvir na BANTUMEN através do email redacao@bantumen.com.

nv-author-image

Bruno Dinis

Carrego a cultura kimbundu nas minhas veias. Angolanidade está presente a cada palavra proferida por mim. Sou apologista de que a conversa pode mudar o mundo pois a guerra surgiu também de uma. O conhecimento gera libertação e libertação gera paz mental, por tanto, não seja recluso da ignorância.