Instagram | ©Solen Fyissa

Vamos voltar a ver os likes no Instagram e escolher se os queremos mostrar ou não

Desde julho de 2019 que o Instagram testa a ocultação do número de likes nas publicações. Embora, não tenha desaparecido totalmente, a opção volta a estar novamente disponível com uma atualização. O utilizador vai poder optar se quer desabilitar o número de gostos nas suas próprias publicações ou se o esconde dos seus seguidores.

“Estamos a fazer este experimento porque queremos que os nossos usuários se concentrem nas fotos e vídeos partilhados, não no número de gostos que coletam”, disse um porta-voz do Instagram em julho de 2019. “Não queremos que o Instagram pareça como uma competição”, reforçou.

Um estudo realizado em 2018, nos Estados Unidos, pelo Pew Research Center mostrou que 72% dos adolescentes no país usavam o Instagram e que quase 40% deles se sentiam obrigados a partilhar apenas conteúdo que tivesse obtido muitos gostos ou comentários.

A busca frenética por likes “bloqueia os adolescentes numa falsa bolha de perfeição”, que lhes devolve a imagem de que “não estão à altura da tarefa”, disse à AFP Michaël Stora, psicólogo e presidente do Observatório Francês do Mundo Digital, em outubro passado.

Este novo teste, realizado a nível global, deverá permitir “perceber se dar mais controlo a cada utilizador, para construir a experiência que lhe convém, ajuda a reduzir a pressão [social] de forma relevante”, indicam os responsáveis do Instagram.

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.

Podes sugerir correções ou assuntos que gostarias de ler, ver ou ouvir na BANTUMEN através do email redacao@bantumen.com.

nv-author-image

Equipa BANTUMEN

A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.