Xperança

Mynda’Guevara, DJ Firmeza e João Grilo apresentam Ritmos de Xperança

O que pode acontecer quando três artistas de áreas musicais distintas se juntam? Ainda não sabemos responder, mas tu podes saber já no dia 6 de maio.

A convite do Teatro do Bairro (TBA), em Lisboa, e de Yaw Tembe (trompetista e líder do grupo Chão Maior) – novo programador do TBA – Mynda’Guevara, DJ Firmeza e João Grilo vão juntar-se em palco pela primeira vez, para apresentar Ritmos de Xperança. O projeto é uma mistura cultural e urbana entre o rap, a música eletrónica e o jazz.

De acordo com o TBA, “este é o resultado de um processo de busca de um espaço comum de linguagem. Juntos, transpõem para a música aquela que tem sido a discussão em torno do fluxo dos movimentos e tensões das periferias e das suas identidades artísticas”.

Acrescentam ainda que, “a forma como expressões intimamente vinculadas aos seus locais de criação se projetam na produção de novas formas de música popular, como é o caso da síntese de ritmos e formas musicais produzidas pela diáspora africana em Lisboa, é a base deste convite”.

Esta colaboração improvável vai materializar-se no cruzamento do rap crioulo e politicamente comprometido (enquanto mulher e enquanto afrodescendente) de Mynda’Guevara, com a percussão eletrónica de DJ Firmeza, produzida a partir da Quinta do Mocho e que tem chegado a todo o mundo através da Príncipe Discos, e a exploração e improvisação alicerçada no jazz e na folk onírica do pianista portuense João Grilo.

Yam Tembe explica que “esta proposta junta três jovens músicos que têm demonstrado uma qualidade e maturidade na produção de uma expressão urbana multifacetada, que, apesar de conotada com a cultura popular, têm sido por eles explorada com uma atitude de experimentação. Em parte, fruto de uma autenticidade na ligação aos locais de criação e na envolvência com a comunidade. Isso está presente no rap emancipatório e de sentido agregador da Mynda Guevara, proveniente da Cova da Moura, no jazz expansivo do João Grilo, activo em diferentes colaborações, do folk à dança, e integrado na Porta-Jazz — colectivo e editora sediada no Porto –, assim como na electrónica polirrítmica do DJ Firmeza, elemento carismático da trupe de produtores sediados na Quinta do Mocho conectados à Príncipe Discos.”

O concerto Ritmos de Xperança vai ter lugar na sala principal do Teatro do Bairro, no dia 6 de maio pelas 19h e tem o custo de 12€, ou 5€ para menos de 25 anos. Podes adquirir os bilhetes aqui.

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.

Podes sugerir correções ou assuntos que gostarias de ler, ver ou ouvir na BANTUMEN através do email redacao@bantumen.com.

BANTULOJA
nv-author-image

Equipa BANTUMEN

A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.