“Prima ku Lebsi” é o novo filme de Welket Bungué

A KUSSA Productions e a Arranca Produções reúnem-se novamente para criar um filme escrito e realizado por Welket Bungué. Prima ku Lebsi já está a ser rodado em Lisboa.

Do crioulo da Guiné-Bissau, o título significa Prima e Lebsi. A trama conta a história de duas jovens mulheres afro-descendentes que cresceram nos arredores de Lisboa, filhas de imigrantes que se conhecem ocasionalmente numa festa caseira, no aniversário de Prima. Lebsi namora com Rave, um jovem street dancer que ganha a vida dançando nas ruas do centro de Lisboa, e têm uma filha em comum. Prima é orfã de pai e mãe e aprendeu a desenvencilhar-se muito cedo. Vive sozinha com um gato e encontrou na venda de canábis a sua alternativa para gerar dinheiro e pagar as contas, mas é também uma produtora de beats respeitada no bairro. Ambas querem melhorar de vida, sonham sair da “zona” mas enquanto isso vão vivendo como podem, afirmando-se à sua maneira.

“Ao mesmo tempo em que temos esse confronto que revela os mindsets delas, também lidamos com várias outras questões que atravessam todas as outras personagens que teêm a ver com o poder de intervenção, social e politico. Como é que a territorialidade ou a desterritorialização dos corpos dos indivíduos afecta também a perspectiva de sonhos e de construção de futuro. E por último o hedonismo, neste filme, surge como espaço de cura e de um reduto de resiliência e de proteção de todos estes indivíduos. Este é um filme que se inspira muito no movimento negro afro brasileiro Batekoo, e na festa Selvagem, que também é icónica no Rio de Janeiro. Estas são as inspirações que me trazem para este filme”, explicou-nos Welket.

O filme Prima ku Lebsi vem assim encerrar uma trilogia de curtas-metragens de realidade social, ‘Sonhos de Cor‘ (BASTIENARRIAGA PRIMA ku LEBSI), em que nesta última história se ilustra a narrativa de um aditivo dramático essencial que respeita as relações homoafetivas, o hedonismo, a subversão comportamental do ponto de vista do género e o empoderamento social da mulher visionária e emancipada, sobretudo no contexto da periferia lisboeta.

Podes saber mais informações acerca do filme aqui.

De recordar que, no início deste mês, o ator e produtor luso-guineense anunciou que vai entrar no próximo filme do realizador canadiano David Cronenberg, Crimes of the future. A trama vai ser rodada entre agosto e setembro, maioritariamente em Atenas, na Grécia, com um elenco que contará com os famosos de Hollywood Viggo Mortensen, Léa Seydoux, Kristen Stewart, entre outros.

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.

Podes sugerir correções ou assuntos que gostarias de ler, ver ou ouvir na BANTUMEN através do email redacao@bantumen.com

BANTULOJA
nv-author-image

Wilds Gomes

Sou um tipo fora do vulgar, tal e qual o meu nome. Vivo num caos organizado entre o Ethos, Pathos e Logos - coisas que aprendi no curso de Comunicação e Jornalismo. Do Calulu de São Tomé a Cachupa de Cabo-Verde, tenho as raízes lusófonas bem vincadas. Sou tudo e um pouco, e de tudo escrevo, afinal tudo é possível quando se escreve.