Antes de tirares conclusões precipitadas e começares a fumar, lê bem o texto abaixo para que possas perceber. Fumar canábis apenas duas vezes [na vida] aumenta espermatozóides em 40%.

De acordo com o estudo, fumar “marijuana” aumenta a contagem de espermatozóides dos homens e aumenta ainda a libido. Os indivíduos que apenas fumaram pelo menos duas “ganzas” ao longo da vida apresentavam 38% mais espermatozóides no seu sémen, tal e qual os fumadores ativos de canábis.

Foram examinados pelo menos 1.143 amostras de sémen de 662 homens, pela equipa de investigadores da Universidad de Harvard, nos Estados Unidos, em que os que nunca fumaram canábis apresentavam uma contagem de esperma de 45,4 mil milhões por mililitro de sémen.

Já os que consumiram apenas durante duas vezes na sua vida apresentavam índices de 62,7 mil milhões por mililitro. Maior do que os não fumadores de tal substância, ou seja um em cada 20 utilizadores de canábis tinha uma contagem reduzida de espermatozóides, comparativamente a um em cada oito não utilizadores.

“Estes resultados não são consistentes com o papel prejudicial supostamente atribuído à marijuana relativamente ao seu impacto na função testicular”, admitiu Jorge Chavarro, professor e líder do estudo que descreveu os dados como algo inesperado.

Outros estudos apontavam para um decréscimo de produção de espermatozóides, e que não seria aconselhável começar um família sobre o consumo de canábis e que pode danificar o ADN do esperma. Já este novo estudo diz o contrário e pode ser lido no periódico científico Human Reproduction.