Djeff junta-se a Spinnin e lança novo single

A entrada de Djeff na Spinnin Deep é marcada pelo facto de ser a primeira vez que um artista luso-angolano assina pela influente editora mundial, a maior da área da música electrónica.

O deejay e produtor euro-africano Djeff, que deixou cair o cognome Afrozila, passando apenas a assinar com o nome pelo qual mais é conhecido, acaba de assinar um novo contrato com a Spinnin Deep.

Spinnin Deep é uma das quinze sub-marcas da Spinnin Records, a gravadora holandesa, fundada no finais dos anos 90 por Eelko van Kooten e Roger de Graaf. Spinnin Deep é uma gravadora de Deep House com oito anos de existência que tem o foco único no gênero Deep. No ano passado a Warner Music Group adquiriu a Spinnin’ por mais de US$ 100 milhões transformado este selo num dos mais valiosos do marcado musical.

A entrada de Djeff na Spinnin Deep é marcada pelo facto de ser a primeira vez que um artista luso-angolano assina pela influente editora mundial, a maior da área da música electrónica.

A faixa de estreia na nova label intitula-se “Zugu Zugu” e conta com a participação vocal do cantor e produtor musical sul africano, Zakes Bantwini. A música dá-nos sons de fusão de géneros que Djeff tem defendido musicalmente, enquanto artista que empurra as fronteiras sónicas com as suas sonoridades fluídas. O videoclipe da faixa estreou-se no canal de YouTube da editora mãe, a Spinnin Records, que conta com mais de 22 milhões de subscritos.