Associação Africana de Companhias Aéreas (AFRAA) voltou a eleger a Ethiopian Airlines com melhor Companhia Aérea de África de 2018, pelo sétimo ano consecutivo. Tornou-se uma das principais operadoras em África, inigualável pela sua eficiência e sucesso operacional, gerando lucros durante a maior parte de sua existência.

A distinção aconteceu no dia 27 de Novembro de 2018, na 50ª Assembleia Geral Anual realizada na cidade de Rabat em Marrocos.

“Estamos entusiasmados pelo prémio. Nos últimos sete anos, temos vindo à AFRAA AGA e recebendo este prêmio continental de alto nível todos os anos. Agradecemos sinceramente à AFRAA e à nossa irmã African Airlines pelo prêmio. O prêmio ressalta os esforços contínuos e o trabalho árduo de funcionários Etíopes altamente comprometidos com o sucesso extraordinário da nossa companhia aérea. O elogio também atesta a solidez de nosso plano de crescimento rápido, lucrativo e sustentável, o Vision 2025 e o modelo de negócios associado. Nossa sincera gratidão também vai para os nossos clientes em todo o mundo por nos dar a oportunidade de atendê-los, para viajar na Etiópia em grande número, por seu feedback contínuo e apoio, que é fator crítico de sucesso na melhoria contínua de nossos serviços de atendimento ao cliente premiado”, referiu o GCEO da Etiópia Tewolde Gebremariam.

Ethiopian Airlines iniciou as suas operações a 8 de abril de 1946, expandindo para vôos internacionais em 1951. A empresa tornou-se uma companhia accionária em 1965 e mudou seu nome de Ethiopian Air Lines para Ethiopian Airlines.

A Ethiopian Airlines, estende as suas operações à Europa, América do Norte, América do Sul, África, Médio Oriente e Ásia, conectando cidades em todo o mundo. A companhia aérea está actualmente implementando o seu plano estratégico de 15 anos chamado “Visão 2025” com o objetivo de se tornar o principal grupo de aviação em África. A Ethiopian Airlines, se orgulha de ser um membro da Star Alliance desde Dezembro de 2011.

A aviação é um grande catalisador de crescimento da indústria de turismo em África, é tarefa das companhias aéreas transportar turistas e empresários – os que não possuem jatinhos particulares – de um lado para o outro do continente. Administrar uma companhia aérea é um trabalho de 24 horas e a necessidade de prestação de serviços de qualidade é pertinente. Requer as instalações adequadas, gestão, motivação, horas e horas de trabalho árduo, preparação e precisão.