PUBLICIDADE

BantuLoja
Rio de Janeiro
Brasil
11 de Novembro de 2024
Imagem e semelhança
Exposição com curadoria de Mélanie Mozzer e Osmar Paulino
Museu de Arte do Rio
Imagem e semelhança

Uma das grandes promessas do circuito carioca de arte, o artista plástico Lucas Finonho vem da Baixada Fluminense, de onde ele traz reflexões sobre as constantes fragmentações e reconstruções que enfrenta, sendo um jovem preto e gay de periferia.


Nascido e criado em Duque de Caxias, ele está prestes a lançar a primeira exposição individual “Imagem e semelhança”, no mais carioca dos museus: o Museu de Arte do Rio (MAR).


Com curadoria de Mélanie Mozzer e Osmar Paulino, o projeto começou a ser gestado em julho de 2023. Composta por 12 obras inéditas, cada tela traz o olhar com mais sensibilidade para as relações cotidianas, onde a pintura não é apenas um meio de expressão visual, mas também um diálogo entre a suavidade dos traços e a aspereza das texturas de brita.A inserção da pedra brita em suas obras, com sua natureza fragmentada, oferece uma metáfora visual potente para as complexidades da experiência humana contemporânea.



“Esta exposição é um testemunho do amadurecimento do artista através de um longo processo de pesquisa que foi bastante enriquecedor, visto que além de artista, Finonho é um pesquisador que já carrega um repertório profissional extenso. Se eu pudesse dar um conselho, indicaria que o público não perdesse a abertura da exposição para contemplar este momento definidor na carreira do artista que terá um longo caminho dentro da cena de Arte Contemporânea”, afirma Mélanie Mozzer.


Com abertura no dia 13, às 11h, a mostra remonta a história familiar do artista e as experiências vivenciadas no seu cotidiano.


Para sugerir eventos, envia-nos um email para redacao@bantumen.com

Outros

bantumen.com desenvolvido por Bondhabits. Agência de marketing digital e desenvolvimento de websites e desenvolvimento de apps mobile