Desde a colonização feita pelos britânicos na Índia que a homossexualidade ou o sexo entre gays era conhecido como “delito antinatural”. Foi inclusive criada uma lei, imposta pelos britânicos, que proibia qualquer tipo de contato sexual entre pessoas do mesmo sexo.

Mas esta quinta-feira, 6,  tudo mudou. A lei contra a homossexualidade, que defendia penas de prisão até dez anos, foi abolida.

Foi necessário uma petição subscrita por cinco mil pessoas, que passaram a viver com medo de perseguições e detenções arbitrárias pela polícia, para que a lei mudasse.

Em 2009, o Tribunal de Nova Deli, Índia, já tinha falado sobre esse tema e sobre a inconstitucionalidade da secção 337 da lei, que indicava que as relações sexuais entre pessoas do mesmo sexo iam contra a “ordem natural”. Mas nada foi feito, apenas um adiamento da decisão final depois de o Supremo Tribunal ter considerado que as emendas à lei deviam ser discutidas no Parlamento.

Após tantos anos de luta, o governo acabou por determinar que a decisão final sobre a extinção da lei era da competência do Supremo Tribunal, que acabou agora por abolir a legislação que datava da época colonial britânica.

A comunidade gay e LGBT celebram o grande feito, como podes ver no vídeo abaixo captado pelo The Guardian.