Jay-Z também decido a apoiar 21 Savage na sua libertação, depois de ter sido detido pelos serviços de imigração norte-americanos.  Segundo o TMZ, o intérprete do 99 Problems contratou Alex Spiro, advogado especializado em direito estrangeiro, para cuidar do caso. O rapper de Nova York também divulgou uma mensagem no Facebook.

O marido de Beyoncé denuncia uma detenção abusiva e afirma que o artista deve ser colocado em liberdade, e assim voltar par junto dos seus filhos, o mais rápido possível.

No seu post, Jay-Z também lembra que 21 Savage fez um pedido de visto “que está pendente há quatro anos”, renovado em 2017, mas que não o rapper não teve novidades ouviu dos funcionários da imigração até ao dia da sua detenção, neste domingo.

O rapper de Atlanta tem três filhos, todos nascidos nos Estados Unidos, e apesar de ter nascido em Londres, no Reino Unido, cresceu na Geórgia, EUA, onde chegou aos sete anos.

Desde a sua prisão, muitas vozes surgiram no meio musical para defender uma das estrelas em ascensão do hip-hop. 21 Savage concorre atualmente aos prémios Gravação do  Ano e Melhor Colaboração, nos Grammy Awards neste final de semana.