O criador do Facebook publicou no seu perfil detalhes sobre como funciona Jarvis, um assistente pessoal inspirado nos livros da marvel e filmes do Homem de Ferro. Mark Zuckerberg demonstrou a tecnologia, num vídeo onde o próprio dá demonstrações das capacidades técnicas da inteligência artificial doméstica criada por si.

A voz do assistente foi empresdata por ninguém menos que Morgan Freeman. A voz incomparável do actor não teve ter custado coisa pouca a Zuckerberg, neste projecto que é estritamente pessoal. O dono do Facebook explicou que o vídeo publicado é, na verdade, um resumo das capacidades do assistente, estando assim por revelar outras funções.

A demonstração foi feita em sua casa e com a sua família. A sua esposa, Priscilla Chan, também publicou um vídeo no seu perfil oficial, no qual conta como foi a experiência de conviver com Jarvis nestes seus primeiros passos. O principal problema relatado no vídeo é o facto de, no início, a inteligência artificial escutava apenas a voz de Mark Zuckerberg, o que inviabilizava que esposa activasse alguns comandos, como ajustar a temperatura do ambiente, por exemplo.