A instalação de Nkyinkyim é uma instalação de arte em constante evolução que usa esculturas para contar a história da herança africana. O projeto é liderado por Kwame Akoto-Bamfo e começou há 6 anos. Com mais de 1.300 peças, a exposição In Memoriam: Portraits of the Middle Passage, In Situ, retrata o momento da escravatura em que africanos foram levados para as Américas e Caraíbas a partir da região do Golfo da Guiné, no Gana. A exposição projeta uma imagem vívida do comércio transatlântico de escravos, de uma perspectiva local.

A história do Gana está intrinsecamente ligada à história global da escravidão, sendo que o país, cuja uma das fronteiras é o Oceano Atlântico, possui a maior concentração de antigos fortes e castelos de escravos. O Atlântico é provavelmente o maior cemitério de corpos negros, considerando que cerca de cinco milhões de vidas foram perdidas durante a travessia para as Américas. Essas vidas, no entanto, são em grande parte reduzidas a parágrafos obsoletos nos livros de história, tornando difícil, na contemporaneidade, compreender o escopo da tragédia.

Vê as imagens publicadas por Kwame Akoto-Bamfo no Instagram